Saiba como funciona a dieta low carb

Que tal conhecer como funciona a Dieta low carb para perder peso e entender seus prós e contras?

Primeiramente, a Dieta low carb tem esse nome por sugerir como forma de perder peso, a redução da ingestão diária de carboidratos na rotina alimentar. Contudo, há restrições para aderir a essa dieta. Atletas e praticantes de exercícios físicos, por exemplo, não devem fazer reduções drásticas de carboidratos na alimentação, sob o risco de terem o desempenho esportivo reduzido.

O ideal nesses casos é calcular com a ajuda de um especialista o quanto de carboidratos podem ser retirados da dieta. Pessoas que sofrem de insuficiência renal, cardíaca ou hepática ou diabetes também não devem seguir a dieta Low Carb.

Vale ressaltar que a Dieta low carb é indicada para pessoas que precisem corrigir problemas metabólicos, tais como a resistência à insulina, visto que uma dieta com baixo teor de carboidrato e que aperfeiçoa a resistência à insulina.

Além disso, a Dieta low carb atua no metabolismo, acelerando seu funcionamento, o que é responsável pelo emagrecimento mais rápido do indivíduo. O ideal é que, antes de aderir a esse método, seja consultado um profissional que possa dar as devidas indicações com base em dados em sua a massa corpórea e sua estatura.

Outra dica é: não reduza tão drasticamente a quantidade de carboidratos ingeridos e não os substitua por gorduras saturadas, pois elas não são benéficas para o organismo e podem contribuir para o aparecimento de doenças cardíacas.

A sugestão é que sejam consumidos alimentos pouco processados, pois eles têm menos índices de gordura considerada ruim. Dessa forma, alimentos como carne branca, abacate, nozes, queijo branco e manteiga são sugeridos na rotina alimentar que segue essa dieta em detrimento de itens como fritura, margarina e óleos de milho, soja, que devem ser evitados.

Vale lembrar que o consumo de água é importante para acelerar o metabolismo ajudando na redução do peso e a eliminar toxinas. Uma dica para respeitar a dieta e segui-la durante um tempo é variar o cardápio e buscar novas receitas nas refeições, pois a repetição em excesso pode levar a um desestímulo.

Agora, que tal descobrir outros alimentos sugeridos na dieta?

As frutas, como abacate, coco, morangos, amoras e mirtilos, que tem menos carboidratos, podem ser bastante consumidas, principalmente, em lanches nessa dieta. Os morangos são importantes por darem sensação de saciedade e substituir doces se consumido como sobremesa.

O consumo de folhas verdes, como alface, rúcula, agrião, escarola, couve, repolho, espinafre, e de outras verduras também é incentivado já que esses vegetais contêm poucas calorias e seu consumo é benéfico para a saúde. Por essa razão, é sugerido que haja sempre uma salada verde em refeições como o almoço.

Queijos brancos, nata e ovos são outros alimentos sugeridos na adoção dessa modalidade de dieta. Creme de leite também é permitido no preparo de receitas. Peixes e carnes magras são outros curingas no preparo de receitas saborosas no almoço e no jantar, pois não contém muitos carboidratos.

Montamos uma sugestão de pratos para consumir em cada refeição que se adequam aos preceitos dessa modalidade de dieta. Confira abaixo.

Café-da-manhã

Opção 1: Omelete com queijo, salsinha, cebolinha e 1 colher de chá de semente de linhaça dourada.

Opção 2: Pão sem carboidrato (bata 3 ovos + 90g de cream cheese + sal a gosto e leve para assar em forno médio por 20-25 minutos) + 1 fatia de queijo + 1 fatia de peito de peru.

Lanche da Manhã

Opção 1: 1 copo de iogurte integral

Almoço

Opção 1: almôndegas low carb + legumes refogados no azeite

Jantar

Opção 1: Camarões grelhados com alho + salada de abacate com alface

Opção 2: Salsicha frita no óleo de coco (ou azeite) com pimentão vermelho e coberta com queijo ralado

Opção 3: Peito de frango, com abóbora, tomate, alho e cebolas picados.

Ceia

Opção 1: 1 xícara de melão em cubos

Opção 2: 5 cerejas

Deixe um comentário