O mistério das pirâmides do Egito ainda não acabou!

 

Parede-Piramides-Levantando-Voo A construção milenar das pirâmides do Egito está cercada de  mistério. Como seria possível naquela época, há mais de 4 mil  anos, o povo egípcio mover tantas pedras pesadas para montar  uma estrutura com vários metros de altura? Nos dias de hoje,  para construir uma pirâmide parecida seria necessário  guindastes, caminhões e muitos trabalhadores operando  máquinas para encaixar todas as pedras.

No entanto, a teoria mais recente vinda da Holanda garante ter desvendado esse mistério. Cientistas da Universidade de Amsterdã afirmam que o transporte dos blocos de pedra para erguer as pirâmides ocorreu através de um método de deslizamento pela areia molhada do Egito. Isso acontecia da seguinte forma: os escravos colocavam as pedras em superfícies planas parecidas com trenós e arrastavam até a região da construção.

Porém, a pedra nesse suporte pesava duas toneladas e era arrastada por cerca de 800 km. Como os escravos conseguiram fazer isso? Os pesquisadores dizem que puxando pela areia, o trenó afundaria devido ao peso. Entretanto, o atolamento não ocorreria se a areia fosse molhada. Assim, eles concluíram que todas as pedras usadas na construção das pirâmides foram levadas até o local da construção por meio de um deslizamento pela areia úmida.

Eles acreditam que o peso diminuiu pela metade com essa estratégia bem pensada do povo egípcio. O cientista Daniel Bonn explica que dessa forma, pedra por pedra foi carregada por cerca de 70 pessoas. Os físicos realizaram um teste no laboratório para simular o trabalho feito naquela época. Eles constataram que a força diminui proporcionalmente, de acordo com a dureza da areia.

Uma prova dessa teoria são os hieróglifos antigos, que retratam a abundância de água, que era entendida como um ritual de purificação, mas hoje tem outro significado. A água foi o truque usado por aquela civilização para conseguir realizar o transporte das pedras para a construção das pirâmides. Ainda há pesquisadores que acreditam que as pedras já estavam no local aonde a pirâmide foi erguida, outros argumentam que todas foram movidas.

Quanto tempo levou a construção?

p10200321

Os egípcios afirmam que levou duas décadas, mas os    pesquisadores acreditam que isso é impossível, sem    nenhuma tecnologia avançada. Para colocar uma pedra em    cima da outra, sem outro recurso além do físico, seria    necessário mais de 50 anos para completar a obra  encaixando 100 pedras por dia na pirâmide. Considerando  que cada pedra teria duas toneladas seria necessário  centenas de escravos.

O motivo da construção

Muitos pesquisadores afirmam que as pirâmides foram construídas para guardar os corpos dos faraós na época. Porém, onde estão os cadáveres? Teriam sido tragados pelas areias do Egito? Muitas acreditam que foram roubados porque tinham jóias, mas para romper uma das portas da pirâmide seria preciso uma força sub-humana.

O mistério ainda não acabou

Os cientistas comemoram essa descoberta, mas ainda não conseguem explicar inúmeros detalhes que giram em torno dessa complexa construção. Por exemplo, as pedras foram cortadas com uma precisão incrível, o alinhamento foi tão perfeito que nem uma faca passava entre elas. Como isso foi possível?

Será que os egípcios eram tão inteligentes que conseguiram medir com precisão cada espaço de colocação de 2 milhões de blocos? Além disso, como conseguiram erguer as pedras a mais de 100 metros de altura sem um guindaste? Muitas dúvidas ainda pairam no ar e provavelmente levará mais uma centena de anos para serem esclarecidas.

Deixe uma resposta