Estudar inglês pela Internet pode ser mais eficaz que em cursos presenciais

Curso de Inglês pela Internet

Curso de Inglês pela Internet

 

Não ter que enfrentar trânsito ou ficar obrigado a ter um horário e local de estudos são apenas alguns dos benefícios dos cursos de inglês online. Assim como hoje existem graduações à distância, aprender um idioma pela Internet já é uma realidade e os resultados podem ser até melhores em relação às opções presenciais. Para quem tem espírito empreendedor e é organizado, o aprendizado pode ocorrer mais rapidamente.

Diferenças de perfis

O perfil de quem estuda inglês pela Internet costuma ser diferente daqueles que frequentam uma aula pessoalmente. Para crianças e adolescentes, é mais fácil e divertido aprender em grupo, com uma turma. É mais motivador. Pessoas mais extrovertidas também tendem a preferir a companhia de mais gente e de um professor para auxiliar nas dúvidas cara a cara.

No entanto, adultos que estão inseridos no mercado de trabalho geralmente não têm tanto tempo para perder com deslocamentos. Nem sempre é possível encontrar um curso na esquina de casa ou de forma acessível. Para esses, a flexibilidade oferecida pelos cursos onlines pode ser um diferencial.

Os mais tímidos e introvertidos também se sentem mais à vontade estudando sozinhos. Um outro requisito para esse tipo de estudo é ser autodidata e saber se programar e organizar para estudar pela Internet. Alguns não obtêm os resultados desejados por falta de planejamento.

Benefícios de cada curso

O aluno é o seu próprio guia nas opções à distância. Ele que vai ditar seu ritmo de estudos. Nem todos aprendem na mesma velocidade. Às vezes, um conteúdo foi assimilado antes dos colegas, nos casos dos cursos convencionais, e o estudante precisa esperar os demais para acompanhar o ritmo deles. Também poderia acontecer dessa pessoa não ter entendido algum conceito, mas por timidez ou porque os demais já estão mais avançados, acaba não tendo suas dúvidas sanadas.

Além disso, enquanto que, nos cursos de inglês presenciais, o professor é a única autoridade a responder perguntas que eventualmente surjam, aprender em aulas onlines oferece a possibilidade de, ao mesmo tempo em que estuda algum conteúdo, obter apoio de material complementar pela Internet, acessível de forma mais fácil.

Planejamento e dedicação

É preciso se antecipar e separar um horário para se dedicar aos estudos. Essa regra serve tanto para os cursos onlines quanto presenciais. Não dá para simplesmente acompanhar as aulas. Tempo para exercícios e estudos complementares é uma necessidade.  No caso da opção pela Internet, pode haver uma dificuldade maior nesse ponto. Por causa da liberdade de escolher quando estudar, o aluno pode acabar não se empenhando o suficiente.

Para o aprendizado acontecer, a pessoa deve se preparar. É importante, por exemplo, definir um número mínimo de horas diárias para estudar. E, na Internet, mesmo que haja algum imprevisto e que não dê para fazer a aula, é possível adiá-la sem perder o conteúdo. Para compensar, naqueles dias em que ele tiver uma disponibilidade de tempo maior, é possível adiantar uma matéria. Assim, o ritmo do aprendizado fica por conta do aluno.

Então, quem tem dúvida entre qual escolher deve pensar primeiro sobre sua disponibilidade de tempo e se existe ou não alguma opção presencial próxima. O perfil de cada um pode ser determinante também nessa decisão. É mais despojado ou reservado? É autodidata? Tem facilidade com idiomas? Costuma aprender mais rápido? A resposta a essas perguntas pode definir o estilo mais adequado para cada um. E, assim, é possível obter resultados melhores.

 

 

Deixe uma resposta