Jacaré devora homem em Lagoa da Confusão-Tocantins

Homem que desapareceu em Tocantins pode ter sido devorado por Jacarés

 

Um Jacaré que foi morto no dia 30 de julho, no município de Lagoa da Confusão, no estado do Tocantins, por ser suspeito de ter devorado na Adilson Bernardes de Oliveira de 47 anos.

 

O animal morto apresentava a barriga bastante cheia e exames periciais identificaram que dentro do jacaré havia restos mortais de humano. A informação foi divulgada ontem (14), pela Secretaria de Segurança Pública do estado.

 

De acordo com a polícia civil o caso será investigado para constatar se os restos mortais é mesmo de  Adilson, que desapareceu dois dias antes da morte do jacaré, mas para os moradores do local os restos é sim de Oliveira, pois ele sumiu quando acampava às margens do rio.

[ads2]

Segundo o proprietário, que estava junto com Adilson e outros amigos, por volta das 22h do dia 27 de julho eles foram dormir e no dia seguinte quando acordaram o homem havia desaparecido. Nas buscas foram encontrados cos chinelos e o isqueiro da vítima próximo ao rio.

 

A polícia foi chamada para ajudar nas buscas e durante dois dias eles procuraram por Adilson, mas não o encontraram. O local onde a vítima desapareceu foi avistado pelos militares 7 jacarés, sendo 4 deles adultos com no mínimo 4 metros de comprimento.

 

Segundo os bombeiros,  com o insucesso nas buscas moradores tiveram a iniciativa de capturar e matar um dos jacarés e dentro dele havia restos mortais humanos e sacolas.

[ads2]

Os moradores relataram que ao animais estavam com a barriga com tamanho acima do normal, por isso eles acreditam que eles tenham devorado o homem, já que Adilson costumava andar com sacolas plásticas no bolso.

 

Recentemente um outro animal foi morto com suspeita de ter devorado uma pessoa na mesma região, porém os exames constataram que os materiais encontrados no interior do animal , não eram restos humanos.

 

 

 

Deixe um comentário