Cuidado: roncar pode ser sinal de uma doença grave

man-909049__180A frequência com que se ronca durante  a noite e  o volume deste ronco, pode ser um alerta para uma doença mais grave. Durante o dia, se  a pessoa  está sonolenta, há 90% de chances deste indivíduo ter  Apneia Obstrutiva do Sono.

Apneia é uma doença do sono grave  e com alto grau de mortalidade. Ela é classificada em dois tipos: o central, que é mais rara, provocada pela disfunção do sistema nervoso, e  a obstrutiva esta bem,  mais  comum,  tem a  obesidade como uma das principais uma das causas.

A apneia obstrutiva  é o fechamento das vias aéreas durante o sono, isso pode acontecer por diversos motivos.  A pessoa pára de respirar num período aproximado de 10 segundos.

Conheça os sintomas

Sensação de sufocamento;

irritabilidade;

diminuição da libido;

boca seca ao acordar;

perda de memória ;

dificuldade de concentração;

dor de cabeça matutina.

Saiba identificar a doença

O primeiro passo para saber se  você sofre desta doença é analisar se o seu parceiro ou parceira tem reclamado do seu ronco com muita frequência. Se além de ouvir isso  você também é obeso é preciso procurar cuidados médicos.

O especialista lhe indicará exames para certificar -se  de que este ronco é devido a apneia grave ou  ou não. O exame  que constata isso é chamado de polissonografia, por meio dele são feitos registros da atividades cerebrias e musculares enauqnto o paciente dorme.

Um Estudo realizado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) comprovou, por meio da polossonografia,  que na capital paulista 38% das pessoas são afetadas por esse distúrbio.

O tratamento

A principal forma de tratamento da é manter as vias respiratórias abertas, isso permitirá que a respiração não seja interrompida durante o sono.

Em alguns pacientes é preciso introduzir aparelhos  odontológico na boca,  durante a noite, para que a mandibula fique pra frente o que impede o fechamento das vias respiratórias.

Há casos em que é  necessário cirurgia no nariz ou na cavidade óssea. Em crianças é indicada a remoção das amígdalas. Essa opção não tem o mesmo efeito nos adultos.

É importante saber que esse tipo de tratamento está condicionado a mudanças de estilo de vida. Algumas atitudes como: Perder peso, evitar dormir de barriga para cima e não ingerir bebidas alcoólicas antes de dormir, podem  aliviar os sintomas desse problema.  

5 maneiras para evitar o ronco

1- Gargarejo: Fazer  gargarejo com menta misturada com  óleo essencial de menta e água.

2- Exercícios: Praticar atividades físicas de forma regular pode melhorar a qualidade do sono.

3- Alimentação: Procure fazer alimentações mais levas no período noturno, evitando gorduras e doces ou algo que possa gerar refluxo.

4- Limpeza Nasal: Manter a região sempre bem limpa tirando todas as secreções evita o ronco.

5- Café: Tomar um pequena dose de café, antes de dormir, pode diminuir o ronco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *