FGTS terão rendimento extra

[ads2]

Contas do FGTS terão rendimento extra

As contas do FGTS, tanto ativas como as inativas, terão um rendimento extra em virtude da Medida Provisória aprovada pelo Congresso Nacional na semana passada, porém é bem provável que os trabalhadores não possam sacar os valores imediatamente.

Mesmo quem já realizou o saque em contas inativas do FGTS, será beneficiado com esta remuneração adicional. O valor ficará depositado e só poderá ser retirado de acordo com a lei, ou seja, nos casos de desemprego, aposentadoria e aquisição da casa própria.

A MP foi publicada pelo governo no início deste ano, dando direito aos trabalhadores de sacarem os valores de contas que ficaram inativas até o dia 31 de dezembro de 2015, antes disso o valor só poderia ser retirado em caso de desemprego por 3 anos ou mais sem registro em carteira. Com a MP os pagamentos foram liberados e poderão ser retirados até o dia 31 de julho.

O texto da Medida Provisória prevê também que 50% dos lucros obtidos no ano passado com a utilização do dinheiro do FGTS, que foram empregados em obras da construção civil, deve ser repartido entre os trabalhadores. Cada beneficiário receberá uma quantia proporcional ao saldo que cada conta tinha em 31 de dezembro, desta forma mesmo quem já retirou os valores de contas inativas terá direito a remuneração adicional.

Os valores só serão creditados nas contas após o fechamento do balanço do FGTS, no mês de agosto, depois da vigência da MP, cujo os saques devem ser feitos até 31 de julho e este é o principal motivo dos trabalhadores perderem o direito ao saque imediato.

A Caixa Econômica Federal confirmou que se não houver mudanças nas regras, os saques só poderão ser feitos de acordo com o que prevê a lei.

[ads2]

Calendário de saque do FGTS será divulgado em fevereiro

Caixa abre 2h mais cedo para atender solicitações de saques do FGTS

Caixa antecipa pagamento do 2º lote do FGTS Inativo

Deixe uma resposta